quarta-feira, 21 de agosto de 2013

São Paulo - Bianca Braga de Carvalho




Vejo vidas e histórias

Esculpidas em pedras



Vejo tempos e eras

Submersos em terra



Quando estou sozinho

E não vejo nada



Olho pela janela

A cidade idealizada

Tão temida, tão amada

Tão correta, tão errada

Realizada.