terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Paz - Rosângela do Valle Dias

Ao cerrar os olhos,
em alguns momentos,
enxergo partículas de luz dançando...
Leveza de giros, em rara visão,
num breu de segundos.
Em breves instantes de cordata alienação
sinto-me transportada para uma
dimensão de brilho intenso,
onde a paz é a mais real sensação.
Volto, num piscar de olhos, e é essa
paz que se manifesta em mim
que quero compartilhar, agora, com você.