quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Eterno amor - Ataíde Lemos

Você meu eterno amor,
Que conhece os meus detalhes.
Penetras em minha intimidade
Com a maior cumplicidade.

Navegas nos meus desejos,
Me enchendo de carícias e beijos.
Desvendas os meus mistérios
Preenchendo minha existência

Você meu eterno amor,
Que tremula no meu calor.
Minha presença te faz sentir
A razão do teu existir.

As palavras são insuficientes,
Para expressar meus sentimentos.
Te vivo constantemente,
Sentindo-te a todo momento,
Na presença e mesmo na ausência.

Eterno amor - Ataíde Lemos
in Palavras, expressão dos sentimentos