quarta-feira, 6 de abril de 2011

Olhar Profundo - Marisa de Medeiros

Teu olhar profundo,
penetrante, insinuante,
às vezes se esconde
num licor de nuvens
com sabor amor;
buquê de estrelas
vermelhas, cintilam
no arquipélago dos
sentimentos...
lua azul, num
céu amarelo;
areias brancas,
adivinhação do
mar bravio, dança sutil,
sensualidade apressa
o incofesso desejo nas
entrelinhas que confessam
as vontades quentes
e ardentes do prazer;
vôo rasante, extrema
liberdade, livre prisioneiro,
assim é o nosso amor.

 Marisa de Medeiros