terça-feira, 11 de janeiro de 2011

Cassiano Ricardo


"(...)
Abro a janela que dá para a vida e restabeleço,
como disse alguém,
as minhas relações líricas com a Natureza.
E faço de cada dia uma página branca.
E faço de cada noite uma reticência de estrelas..."