sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Em Desencontro - Amarilis Pazini Aires

Almas que se procuram,
Mas nunca se encontram,
Se cruzam no tempo
Se perdem no momento.

Se tocam na distancia
Se sentem na esperança,
É chegada a hora!
Mas se vão embora.

Procuram em cada canto
Esperam sem demora,
Mas este desencontro
Se faz à vida afora.

O único elo
É o som do coração,
Que emite, ritmadas batidas,
Que se enlaçam na eterna união.



Em Desencontro - Amarilis Pazini Aires