sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Deixo me Enganar - Ataíde Lemos

Sei que tudo se foi
Nada será como antes
Mas, mesmo vivendo ilusão
Esta mentira me faz bem,
Acalma o coração
Que permite se enganar
Fingindo acreditar
Que ainda me ama.

Em cada declaração que fala
Em cada beijo que dá
É agua que bebo
Matando a sede,
É ar que recebo
Me fazendo respirar.
Em cada eu te amo
Mesmo sabendo não ser verdadeiro
Entrego-me a ti por inteiro
É um sentimento sem explicação.

Quando vai, não sei se volta
E nem como virá
O que me trará para tragar
Se, será mel ou fel.
Você me leva ao céu
Mesmo sabendo ser mentira
É com você que existo.


Deixo me Enganar - Ataíde Lemos