terça-feira, 9 de novembro de 2010

Luisa - Carmen Vervloet

Se não existissem motivos,
eu juro que os criaria...
Criaria todos os motivos
do mundo para fazer você feliz!
Pediria emprestado ao firmamento
as mais lindas estrelas
para bordar seu vestido em brilho e luz.
Roubaria a transparência das puras nascentes
para confeccionar seus delicados
sapatinhos de cristal.
Faria, com um pedacinho de céu,
um laço de fita
de um azul inexplicável
só para enfeitar seus longos cabelos.
E com pétalas das mais perfumadas flores
acolchoaria seu caminho
para suavizar cada um de seus passos...
Ah! E um doce perfume anunciaria sua chegada...
Com o arco-íris construiria uma ponte
em sete cores ligando você a mim.
Porque Luisa, meu amor
por você é tão grande,
que por maior que seja a distância,
sinto-a tão próxima que até
posso ouvir sua respiração.
Porque, minha querida neta, você mora
E morará sempre...
Eternamente...
Bem dentro do meu coração.
Luisa - Carmen Vervloet