segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Ventos Gélidos - Morgana

Ventos gélidos sopram outra vez
Posso sentir sua presença aqui
Porem sua doce voz não consigo ouvir
Minha alma procura vestígios de vida.
Se al menos pudesse ouvir seus pensamentos
Seria o bastante para manter viva
Minha esperança dentro de mim.
No lago de águas cinzentas ainda
Reflete sua doce imagem
Como pude me encantar por um alguém
Tão estranho e distante de mim.
Nossa canção ainda esta guardada em minha memória
Nosso estranho dueto
Eu a rosa e você os espinhos...

Autora: Rosa Murcha. (27,28/02/2008)

www.morgana-rosamurcha.blogspot.com